Uso Racional de Medicamentos em Pediatria e Neonatologia
Acesso Imediato
Banner PagSeguro

Docente: Marcus Vinícius Terashima de Pinho

Marcus Vinícius Terashima de Pinho

Farmacêutico, graduado pela Universidade Presbiteriana Mackenzie. Mestre em Farmacologia pela Universidade Estadual de Campinas. Residência em Farmácia Clínica e Atenção Farmacêutica pela Universidade de São Paulo. Orientou alunos atuantes no Sistema único de Saúde (SUS) no curso de pós-graduação em Gestão da Assistência Farmacêutica da Universidade Aberta do Sistema Único de Saúde - Universidade Federal de Santa Catarina. Atuou como Farmacêutico Clínico do Hospital Infantil Sabará. É docente em cursos de pós-graduação e Docente do Instituto Racine.


Uso Racional de Medicamentos em Pediatria e Neonatologia

Carga horária estimada: 3h30

Licença: 30 dias.


INVESTIMENTO

R$: 300,00


O curso tem como objetivo contribuir para a compreensão do paciente pediátrico como um ser especial, vulnerável e sem autonomia, realizar uma análise crítica do panorama atual do uso de medicamentos em pediatria com base nos estudos científicos e na terapêutica disponível, contribuir para a realização de uma análise crítica das estratégias que podem ser utilizadas para o uso racional de medicamentos nesta população.

  • Conceitos que Permeiam a População Pediátrica e Neonatológica.
  • Barreiras para a Realização de Estudos Clínicos na População Pediátrica.
  • Medicamentos para Uso Infantil: Dificuldades e Prioridades nesta População (Órfãos Terapêuticos)
  • Estratégias para o Uso Racional de Medicamentos em Pediatria e Neonatologia.

Informamos que é terminantemente proibida a reprodução total ou parcial, execução pública, modificação, transformação, cópia, distribuição, comercialização ou qualquer outra forma de exploração e manipulação dos conteúdos desta plataforma, dos seus dispositivos técnicos, conteúdos, aplicações, códigos fonte, desenho, seleção e forma de apresentação dos materiais, e, em geral, da informação contida nesta plataforma. Todos os direitos são reservados ao Autor de acordo com a Lei nº 9.610, de 19/02/1998.

Enfermeiros, farmacêuticos e médicos e estudantes de cursos de graduação destes cursos e em áreas afins. Indicado, também, a docentes de cursos de graduação e pós-graduação e a outros profissionais que lidam com assuntos relacionados a este tema.