Diálogo: Impacto da Lei de Proteção de Dados (LGPD) na Captura de Dados de Farmacovigilância
Acesso Imediato
Banner PagSeguro

Docente: Cleber Fernandes

Cleber Fernandes

Advogado e Enfermeiro. Especialista em Direito Médico e da Saúde e em Gestão de Planos de Saúde. Advogado dativo do Conselho Regional de Medicina de São Paulo. Advogado atuante nas áreas de Direito Empresarial, Direito Civil, Direito do Consumidor, Direito Médico e da Saúde e Direito Regulatório e Sanitário.


Docente: Eloisa José de Oliveira Jubram

Eloisa José de Oliveira Jubram

Farmacêutica, graduada pela Faculdade de Ciências Farmacêuticas da Universidade de São Paulo. Especialista em Atenção Farmacêutica: Farmácia Clínica pelo Instituto Racine. Atuou por 8 (oito) anos na área de Qualidade e por mais de 20 anos no planejamento e implantação de áreas de Relacionamento com Clientes, Farmacovigilância e Informações Médicas de empresas farmacêuticas multinacionais. É Membro das Comissões de Regulação do Mercado e de Indústria do Conselho Regional de Farmácia Estado de São Paulo. Docente convidada da Escola Superior de Propaganda e Marketing. Atualmente é Diretora Técnica da Hyalos Pharma Consultoria e Treinamento. Docente do Instituto Racine.


Diálogo: Impacto da Lei de Proteção de Dados (LGPD) na Captura de Dados de Farmacovigilância

Carga horária: 01h02min

Licença: 30 dias.


INVESTIMENTO

GRÁTIS!


Discussão acerca do impacto da Lei nº 13.709/2018 -  Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPD), que entrará em vigor a partir de agosto de 2020, na captura de dados para o desenvolvimento das atividades de Farmacovigilância, considerando que seu texto determina que todos os dados pessoais (informações relacionadas à pessoa natural identificada ou identificável, como nome, idade, estado civil, documentos) só podem ser coletados mediante o consentimento do usuário.

Informamos que é terminantemente proibida a reprodução total ou parcial, execução pública, modificação, transformação, cópia, distribuição, comercialização ou qualquer outra forma de exploração e manipulação dos conteúdos desta plataforma, dos seus dispositivos técnicos, conteúdos, aplicações, códigos fonte, desenho, seleção e forma de apresentação dos materiais, e, em geral, da informação contida nesta plataforma. Todos os direitos são reservados ao Autor de acordo com a Lei nº 9.610, de 19/02/1998.

Profissionais, docentes e estudantes de graduação na área da saúde, que desenvolvem, ou pretendam se preparar para desenvolver atividades ou implantar processos de farmacovigilância, tanto na área industrial quanto em serviços de saúde (enfermeiros, farmacêuticos, médicos e gerentes de risco em serviços de saúde). Ideal, também, para profissionais que atuam ou desejam atuar em Indústrias Farmacêuticas, Hospitais, Farmácias e Drogarias, Farmácias Ambulatoriais, Unidades e Centros de saúde especializados (Municipais e Estaduais), Serviços de Assistência Domiciliar (Homecare), Consultórios médicos e Clínicas.