Diálogo: Perspectivas da Implementação do Programa Nacional de Segurança do Paciente - Visão dos Profissionais e dos Usuários dos Serviços de Saúde
Acesso Imediato
Banner PagSeguro

Docente: Maria Eugênia Carvalhaes Cury

Maria Eugênia Carvalhaes Cury

Farmacêutica, graduada pela Faculdade de Ciências Farmacêuticas da Pontifícia Universidade Católica de Campinas (PUCCAMP). Mestre em Educação do Ensino Superior pela Faculdade de Educação da PUCCAMP. Especialista em Planejamento e Gerenciamento em Saúde pela Faculdade de Ciências Médicas da PUCCAMP. Especialista em Atenção Farmacêutica – Formação em Farmácia Clínica pelo Instituto Racine. Possui quinze (15) anos de experiência em docência, atuando como professora e Coordenadora do Curso de Ciências Farmacêuticas da PUCCAMP, cinco (05) anos como farmacêutica da Secretaria de Saúde da Prefeitura de São Paulo, sete (07) anos como Gerente Geral de Monitoramento de Produtos Sujeitos à Vigilância Sanitária na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA). Atua como Coordenadora de Cursos e no Desenvolvimento de Projetos Educacionais no Instituto Racine.


Diálogo: Perspectivas da Implementação do Programa Nacional de Segurança do Paciente - Visão dos Profissionais e dos Usuários dos Serviços de Saúde

Carga horária estimada: 02h15

Licença: 15 dias.


INVESTIMENTO

GRÁTIS!


Os eventos adversos decorrentes do uso das tecnologias em saúde e dos processos ou estruturas da assistência apresentam potencial de causar danos aos pacientes e prejuízos associados aos cuidados à saúde.

Cultura e atitudes para segurança do paciente são fundamentais para repensar os processos assistenciais e implementar ações de gerenciamento de riscos com o intuito de identificar a ocorrência de problemas antes que estes causem danos aos pacientes na atenção à saúde.

Informamos que é terminantemente proibida a reprodução total ou parcial, execução pública, modificação, transformação, cópia, distribuição, comercialização ou qualquer outra forma de exploração e manipulação dos conteúdos desta plataforma, dos seus dispositivos técnicos, conteúdos, aplicações, códigos fonte, desenho, seleção e forma de apresentação dos materiais, e, em geral, da informação contida nesta plataforma. Todos os direitos são reservados ao Autor de acordo com a Lei nº 9.610, de 19/02/1998.

Profissionais da saúde que atuam em serviços de saúde públicos e privados, enfermeiros, farmacêuticos, médicos, nutricionistas, fisioterapeutas, entre outros. Indicado, também para docentes e para estudantes dos cursos de graduação e de pós-graduação das áreas citadas e áreas afins, para gestores de serviços de saúde e para profissionais que lidam com assuntos relacionados a este tema.

Ivone Martini de Oliveira
Enfermeira, graduada pela Universidade Federal de São Paulo. Especialista em Enfermagem do Trabalho, pela Universidade Federal de São Paulo. Conselheira do Conselho Nacional de Saúde 2015/2018. Comendadora de Honra em Segurança e Saúde no Trabalho desde 2008. Colaboradora e Representante do Conselho Federal de Enfermagem – COFEN. Diretora da Associação Nacional de Enfermagem do Trabalho – ANENT. Membro convidado da bancada dos trabalhadores do GTTNR-32. Membro da bancada dos trabalhadores da CTPN-NR32 e da CTPR-NR32. Conselheira do Conselho Federal de Enfermagem 2008/2012. Conselheira do Conselho Regional de Enfermagem do Estado de São Paulo 2003/2007.

Artur Custodio Moreira de Sousa
Fotógrafo, graduado pela Universidade Estácio de Sá. Mestrando em Saúde Publica da Escola Nacional de Saúde Pública Sérgio Arouca/Fundação Oswaldo Cruz. Desde 1984 é voluntário do Movimento de Reintegração das Pessoas Atingidas pela Hanseníase (MORHAN), sendo atualmente Vice - Coordenador Nacional do MORHAN. Foi conselheiro do Conselho Nacional dos Direitos do Idoso e do Conselho Nacional dos Direitos da Pessoa com Deficiência. É Conselheiro do Conselho Nacional de Saúde (CNS) 2015/2018 e Coordenador Adjunto da Comissão Intersetorial de Vigilância em Saúde do CNS.